quinta-feira, 15 de setembro de 2011

ESTUDO DE CASO: NOCAUTE DUPLO EM BAR





Texto do KOombatente Eduardo Torelly, que "garimpou" esta situação:

Video de uma câmera de segurança de um bar. Mais ou menos no centro do balcão, está o nosso kombatente, de camisa social, de costas para a câmera, entre duas mulheres (e aparentemente se dando bem).

E tem um baixinho, de camisa branca, zanzando pelo bar e enchendo o saco de todo o mundo. Ali pelo tempo 0:30 o baixinho "cutuca" uma das mulheres que está com o cara, chama ela, e tudo indica que ela xinga ele. Ele não pára, a outra mulher tenta afastá-lo, ele segue enchendo e chama o outro pra briga. A performance do nosso kombatente é sensacional.


"Não estar lá quando acontecer" é uma grande frase. Humildemente, completo:

"Se estiver lá quando acontecer, Lei de Edmundo: se é para alguém chorar, que chore a mãe do inimigo"

abç

Torelly